Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Cidade

Cemitério Jardim da Eternidade, na Gleba H (Foto: Reprodução)
Cemitério Jardim da Eternidade, na Gleba H (Foto: Reprodução)

A Prefeitura de Camaçari divulgou uma nota simples, de apenas dois parágrafos, mas de conteúdo assustador: os sepultamentos no cemitério  Jardim da Eternidade, na Gleba H, estão suspensos. Todos as cerimônias estão sendo transferidas para o cemitério de Parafuso, por falta de vagas na unidade da sede.

De acordo com a nota, o principal motivo da superlotação é o aumento no número de óbitos provocado pela pandemia de covid-19.

Recorde sobre recorde

O Camaçari Fatos e Fotos (CFF) fez um levantamento do volume de óbitos dos últimos anos, na cidade, através dos dados do portal Registro Br, que condensa os dados de nascimentos, casamentos e óbitos no país e descobriu que o aumento é realmente absurdo: 2021 tem batido recordes continuamente.

Só para se ter uma ideia, até 12 de abril foram computados no portal 581 óbitos, sendo 111 em janeiro, 138 em fevereiro, 302 em março e 30 em abril: o valor é pouco menos da metade do total registrado em todo ano de 2020: 1330. Em 2019, ano anterior à chegada da pandemia do Brasil, foram 1248 óbitos na cidade.

Exumação?

Na terceira semana de março, um áudio divulgado no WhatsApp dava conta de que a Sesp estava planejando exumar cerca de 2.000 corpos, todos sepultados em gavetas no cemitério da Gleba H, para liberar túmulos para novos sepultamentos.

Na época, o material foi divulgado como denúncia ao risco que os coveiros estariam correndo, por executar o serviço sem as condições de segurança adequadas e não houve confirmação ou informação oficial sobre a suposta exumação.

No entanto, a nota divulgada pela prefeitura nesta segunda-feira (12) confirma parte da informação: o volume de sepultamentos supera a capacidade do município. Embora a média de óbitos em abril tenha caído drasticamente em relação a março, é preciso ter em mente que não existe "redução" dos números: cada novo óbito é um túmulo a mais a ser ocupado, enquanto houver túmulos.

Abaixo a transcrição do áudio divulgado em março. Relembre o que foi dito na suposta reunião entre a gestão da Sesp e coveiros da Gleba H:

HOMEM 1:
- A prioridade, a prioridade mesmo é fazer essa exumação e fazer essa força-tarefa, pra a gente fazer esse trabalho aí.
A gente vai precisar de todos os coveiros, porque nós não temos nem chance, nem condição de fazer contratação agora, porque, vocês sabem, a pandemia atingiu a todos, na economia e atingiu a todos, então não pode fazer licitação nenhuma agora.

HOMEM 2 (provavelmente Namuciés):
- Aí é o senhor, que é o coordenador, que diz, "oh, Namuciés, eu acho que com cinco pessoas dá pra fazer".

HOMEM 1:
- Mas eu acho, Namuciés, que é melhor pegar os 20 e fazer, que é mais rápido.

(uma mulher ao fundo sugere que a exumação seja feita em todos os cemitérios)

HOMEM 1:
- Foi até ontem, na reunião que eu tive com Josenaldo e a secretária, foi dito isso. Só que a demanda maior que tá tendo é aqui no Gleba H. Josenaldo, se eu estiver mentindo, ele pode até falar. É 9, 10, 7, 6 todos os dias. Ontem de manhã foi quantos?

HOMEM 3 (provavelmente Josenaldo):
-  Ontem, ao todo, foi 11.

HOMEM 1:
- Então, se vocês for nessa pegada, até que não tenha nenhum hoje, mas se você for nessa pegada, 10, 11 e você só tem 40, vai chegar lá e não tem lugar. Então, prioridade Gleba H. E depois a gente vê onde é que está...

HOMEM 3:
-  ...a segunda maior demanda. Só agora no mês de fevereiro, se continuar como está aí, nós vamos fechar uma média de 300 sepultamentos.

HOMEM 1:
Se for nessa demanda aí E observa, se você fizer as contas de 10 por dia, só aí já da 300 e tem dia que está batendo mais do que isso, então, segunda-feira mesmo como eu falei foi 13. Foram 13, só na segunda feira. Então, vai ser aí em torno de 300 ou mais sepultamentos só agora no mês de fevereiro. Então, nós estamos selecionando aí em torno de 2.000 gavetas para serem abertas. Na Gleba H nós temos 9.352 gavetas. Dessas 9.000 nós estamos selecionando ai 2000 pra abrir, porque como o diretor acabou de dizer , não há previsão de construção de novas gavetas, mesmo porque já começa pelo seguinte: espaço na Gleba H está limitado.

Veja também:

EXUMAÇÃO DE CADÁVERES: Sistema funerário de Camaçari começa a sentir impacto da pandemia

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br