Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Cidade

Candidata a vereadora Valdinéa Conceição Gomes (Foto: Print | Vídeo)
Candidata a vereadora Valdinéa Conceição Gomes (Foto: Print | Vídeo)

Assim como em diversos pontos do país, começam a surgir em Camaçari casos com fortes indícios de falha, para não dizer fraude, no processo de apuração dos votos das eleições municipais.

Em um vídeo que está circulando pelo aplicativo Whatsapp, a candidata a vereadora Valdinéa Conceição Gomes aparece em frente à sede do Fórum Eleitoral  em Camaçari afirmando que espera explicações do órgão sobre o erro denunciado por ela.

Nea (nome que usou na urna) concorreu pelo Avante e, de acordo com a apuração divulgada pela Justiça Eleitoral, não teve nenhum voto. Ela garante que votou em si mesma.

"Tá aqui meu título, minha zona eleitoral é a 170, minha sessão foi a 07, aqui está meu comprovante de votação e não conta voto nenhum, nem na minha sessão", afirma ela, dizendo que espera resposta do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sobre o que será feito.

O vídeo de Nea suscita, mais uma vez, suscita dúvidas sobre a lisura do processo eleitoral em 2020 e levanta a pergunta: como a  Justiça Eleitoral garante que os votos são computados única e exatamente aqueles a quem o eleitor escolheu?

Veja o vídeo de Nea:

Vídeo

Veja também:

FRAUDE NAS ELEIÇÕES? Com provas, candidatos a vereador questionam falha na contagem de votos

Índice de abstenções mais que dobra em Camaçari

Camaçari: apenas 2,2% das mulheres votam em mulheres

12 dos 21 vereadores atuais deixam a Câmara no próximo ano

Mais 4 anos: Elinaldo vence eleição e permanece como prefeito de Camaçari

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br