Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Nacional

Sistema de saúde de cidades brasileiras entrou em colapso com a pandemia (Foto: Reprodução | BBC)
Sistema de saúde de cidades brasileiras entrou em colapso com a pandemia (Foto: Reprodução | BBC)

A América do Sul se tornou o novo epicentro da pandemia do novo coronavírus, disse o diretor do programa de emergências da Organização Mundial da Saúde (OMS) em uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira (22/5).

"Vimos muitos países sul-americanos com número de casos aumentando, e claramente há preocupação em muitos desses países, mas certamente o mais afetado é o Brasil a esta altura", afirmou Michael Ryan.

A declaração foi feita após o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, ser questionado como avaliava a epidemia no Brasil após o país ter registrado mais de mil mortes nos últimos dois dias e se a organização estava negociando alguma assistência direta ao país.

Adhanom pediu então a pergunta fosse respondida por Ryan, que informou que a Organização Pan-americana de Saúde, o braço da OMS na região das Américas, está auxiliando não apenas o governo federal, mas também muitos dos governos estaduais.

"A maioria dos casos é da região de São Paulo, mas também Rio de Janeiro, Ceará, Amazonas, Pernambuco estão sendo afetados. Mas em termos de taxas de ataque, as mais altas estão, na verdade, no Amazonas: cerca de 490 pessoas infectadas para cada 100 mil habitantes, que é uma taxa de ataque bem alta", disse Ryan.

Com isso, o continente sul-americano assume o lugar que era até então dos Estados Unidos e já coube antes à Europa e à China como a região do mundo mais preocupante por causa do grande número de novos casos de covid-19 registrados por dia.

Como a OMS deixou claro, o Brasil é o país que mais influenciou na mudança do epicentro da pandemia, mas não é o único onde a situação tem se agravado. Entenda a seguir.

Quão grave é a pandemia na América do Sul?

A América do Sul foi um dos últimos continentes a confirmar uma infecção pelo novo coronavírus.

O primeiro caso confirmado na região foi justamente no Brasil, em 26 de fevereiro, embora pesquisadores tenham apontado que há indícios que de que houve casos já em janeiro.

Li4vLi4vLi4vaW1hZ2VzL3N0b3JpZXMvMjAxNy9NYWlvL3Jlc3VsdGFkb3MyMjA1LnBuZyZhbXA7dz05MDAmYW1wO2g9NjAwJmFtcDtxPTkwJmFtcDt6Yz0w.jpg
Desde então, o coronavírus chegou a todos os países da região. Mais de 548 mil casos foram registrados e mais de 28 mil pessoas morreram até agora, segundo o Centro Europeu de Controle e Prevenção de Doenças.

O total de infecções e óbitos da América do Sul ainda está muito abaixo da Europa, dos EUA e da Ásia, mas a testagem nos países da região não é tão ampla quanto em outros lugares do mundo.

Por isso, acredita-se que os números estejam sendo subnotificados e que a epidemia seja ainda mais grave.

Li4vLi4vLi4vaW1hZ2VzL3N0b3JpZXMvMjAxNy9NYWlvL3Jlc3VsdGFkbzItMjIwNS5wbmcmYW1wO3c9OTAwJmFtcDtoPTYwMCZhbXA7cT05MCZhbXA7emM9MA==.jpg

Brasil


O Brasil é de longe a nação sul-americana que está na pior situação, com mais de 310 mil casos e 20 mil mortes.

O aumento exponencial do total de casos nos últimos dias fez o país superar Espanha, Itália e Reino Unido e se tornar o terceiro do mundo com mais infecções, atrás apenas da Rússia e dos Estados Unidos, que têm 318 mil e 1,58 milhão de casos respectivamente.

A pandemia levou a um rápido aumento da ocupação de leitos de unidades de tratamento intensivo dos hospitais, e, em capitais como Manaus, Belém e Natal, o sistema de saúde público entrou em colapso — o que levou a ações emergenciais, como abertura de novos leitos e de hospitais de campanha para conseguir dar conta da demanda.

O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro (sem partido), foi muito criticado tanto no país quanto internacionalmente por ter diversas minimizado a pandemia.

Bolsonaro já declarou que tudo não passava de uma "fantasia", classificou a reação mundial como uma "histeria" e afirmou que a covid-19 era uma "gripezinha".

O presidente também se manifestou diversas vezes contra as medidas de isolamento social adotadas pelos governos estaduais, um tema que foi motivo de divergência e atrito com o então ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que deixou em 16 de abril.

Seu sucessor, Nelson Teich, pediu demissão há uma semana. Um dos motivos seria a insistência de Bolsonaro de recomendar o uso da cloroquina e da hidroxicloroquina no tratamento de pacientes sem haver comprovação científica de que essas substâncias são seguras e eficazes.

O comportamento do presidente brasileiro levou o The Lancet, uma das revistas científicas de medicina mais importantes do mundo, a publicar um editorial com duras críticas contra ele.

A publicação destacou a gravidade da pandemia no Brasil e disse que Bolsonaro era "talvez a maior ameaça à resposta à covid-19" no país.
Peru

O Peru é o segundo mais afetado pela pandemia na região, apesar de ter sido um dos primeiros a adotar o isolamento social.

O país tem o 12º maior número de casos do mundo, com 108 mil infecções confirmadas, e 3,2 mil mortes.

O número de novos casos diários ficou acima de 3 mil durante quase todo o mês de maio, quando anteriormente esse número havia sido alcançado apenas uma vez durante a pandemia.

Desde a semana passada, as UTIs da capital Lima estão operando com 80% de sua capacidade ocupada. A chefe da Força de Comando Covid-19 do Peru, Pilar Mazzetti, reconheceu que "neste momento, a situação é muito crítica".

A Opas manifestou preocupação com a propagação do vírus na tríplice fronteira da região amazônica entre Brasil, Peru e Colômbia, onde a população indígena é particularmente vulnerável.

Chile

A situação no país se agravou muito rapidamente. Em 1º de maio, havia 16 mil infecções confirmados. Hoje, o número é quase quatro vezes maior.

Com 61,8 mil casos, o Chile é o terceiro país mais afetado da América do Sul e o 16º no mundo.

Desde então, o total de mortes mais do que dobrou, de 227 para 630, mas o país fica num patamar bem abaixo de Brasil e Peru.

Ainda assim, o número de pacientes com covid-19 excede o número de recuperações, e cada vez mais doentes precisam de ventiladores mecânicos para ajudar a respirar.

E as autoridades temem que a situação se agrave. As unidades de emergência já estão operando com 90% de sua capacidade ocupada.

Por isso, houve um endurecimento das medidas de isolamento na capital Santiago, onde houve protestos por causa da difícil situação econômica criada no país pela pandemia.

O pico ainda não chegou

Ao contrário dos Estados Unidos e da maioria dos países da Europa, onde os índices estão em queda, muitos países da América do Sul ainda estão registrando um aumento do número de casos e de mortes diários.

O número de mortes no Brasil e no Peru está dobrando aproximadamente a cada duas semanas, em comparação com a cada dois meses no Reino Unido e nos Estados Unidos, quatro meses na França e cinco meses na Itália.

Especialistas dizem que o pico da epidemia em alguns países da região ainda está a algumas semanas de distância.

À medida que os casos diários continuam a aumentar, há preocupações de que os sistemas de saúde possam ser sobrecarregados, como já ocorreu no Equador, que tem o quarto maior número de casos até agora no continente, com mais de 35,8 mil infecções confirmadas e 3 mil mortes.

Número de mortes no Brasil ultrapassou a marca de 20 mil (Foto: Reprodução | BBC)
Número de mortes no Brasil ultrapassou a marca de 20 mil (Foto: Reprodução | BBC)

Clique aqui e siga-nos no Facebook

Veja também:

Camaçari segue decisão do Estado e antecipa feriados para conter avanço da covid-19

Camaçari possui 136 casos confirmados da Covid-19; quatros desses nas últimas 24h

Camaçari dispara para 132 casos da Covid-19 nesta quinta-feira, 21

Camaçari registra 122 casos da Covid-19 nesta quarta-feira, 20

Saída de Teich repercute no mundo: “Brasil volta a ficar sem ministro”

Teich deixa o Ministério da Saúde com menos de um mês no cargo

'Coronavírus pode nunca desaparecer e se tornar endêmico como o HIV', diz OMS

Novo coronavírus gera síndrome misteriosa que já matou 4 crianças

Prefeitura prorroga medidas de combate ao coronavírus por mais 15 dias

Camaçari registra 76 casos da Covid-19; 02 desses nas últimas 24h

Técnica de enfermagem morre vítima da Covi-19 em clínica da rede privada em Camaçari

Após velório com caixão aberto de vítima de coronavírus, cinco pessoas testam positivo para Covid-19

Nota de esclarecimento sobre óbitos na UPA de Arembepe

Com recorde de 881 mortes em 24h, Brasil alcança 12.400 óbitos por covid-19

Ponto de apoio do Centro Comercial tem novo horário de funcionamento; confira

Prefeitura recebe 180 litros de álcool em gel

Fábrica em Camaçari vai produzir até 100 respiradores por dia

Camaçari registra terceira morte pelo Covid-19; número de casos confirmados sobe para 69

Enquanto Brasil bate recorde de mortes, Bolsonaro diz que fará churrasco para 30 pessoas

Estudo aponta Brasil como novo epicentro global do coronavírus

Brasil desperta alerta mundial com 4º maior número de casos em duas semanas

Brasil está pagando "preço altíssimo" por eleger Bolsonaro, diz Rui sobre atuação do presidente na luta à Covid-19

Camaçari registra 60 casos da Covid-19 e mais um óbito suspeito neste domingo (03)

Prefeitura adota medidas para ordenar filas da Caixa a partir de segunda (4)

Primeiro ponto de apoio para cadastro do Auxílio Emergencial passa a funcionar na segunda (4)

Camaçari registra dois novos casos da Covid-19 totalizando 46 infectados; 23 estão recuperados

Casos confirmados da Covid-19 desce para 44 em Camaçari; dois a menos que o informado no último boletim

Sobe para 46 o número de pessoas com Covid-19 em Camaçari

Após reabertura do comércio, casos de Covid-19 disparam em Blumenau (SC)

Casos de AVC entre pacientes com Covid-19 fora do grupo de risco intrigam médicos americanos

Trump vê grave surto de coronavírus no Brasil quer fim de voos para os EUA

Repórter da Globo que luta contra o câncer é infectada com coronavírus

Sobe pra 40 o número de pessoas com Covid-19 em Camaçari

Mulher de 67 anos é a primeira vítima fatal do novo coronavírus em Camaçari

Sobe para 35 o número de infectados com Covid-19 em Camaçari

Prefeitura determina uso obrigatório de máscaras na cidade

Coronavírus - Camaçari chega a 25 casos confirmados nesta segunda-feira, 20

Camaçari registra 22 casos confirmados da Covid-19

Familiares de Elinaldo estão com Covid-19; prefeito não está em isolamento

Sobe para 18 o número de pacientes com Covid-19 em Camaçari

Hospital de Manaus empilha corpos de vítimas da covid-19 em contêiner

15 casos confirmados de Covid-19 em Camaçari; novo registro é do Ponto Certo

Sobe para 14 o número de pacientes com Covid-19 em Camaçari

Camaçari registra 1ª morte com suspeita de coronavírus. A vítima morreu na UPA da Gleba A

Pacientes curados da Covid-19 voltam a testar positivo na Coreia do Sul

Médica contrária ao isolamento social morre vítima de coronavírus no Ceará

Conheça os bairros dos 10 casos confirmados do COVID-19 em Camaçari

Fiocruz registra momento exato do ataque da covid-19 à uma célula no corpo humano

Coronavírus - Bolsonaro culpa repórteres por aglomeração, limpa nariz com braço e cumprimenta idosa

Brasil ultrapassa mil mortes por covid-19; 19,6 mil estão infectados

"Não é normal", dizem coveiros sobre trabalho em cemitérios de São Paulo

Coronavírus - Camaforró 2020 é cancelado por conta da pandemia

Vídeos - Corpos de vítimas do coronavírus passam dias nas ruas e em casas; urubus sobrevoam em hospital

Isoladas em casa, crianças necessitam de mais atenção para evitar acidentes com aparelhos elétricos e tomadas

Mandetta diz que permanecerá em ministério e volta a defender isolamento: “Vamos continuar”

Autônomo pode baixar aplicativo a partir de hoje para renda de R$ 600

Camaçari com a oportunidade de mostrar quão solidária é. Abrigo de idosos pede socorro

Saiba se está apto a receber o auxílio emergencial

Vídeo: Mini blogueira repercute com oração pelo fim do coronavírus: 'Preciso das minhas amigas'

Coronavírus - Se despedindo da direção da Saúde em Camaçari, Elias Natan anuncia outros casos confirmados.

Com dificuldade para respirar radialista Tony Paulo é transferido para o Couto Maia, em Salvador

Vídeo mostra eficácia da participação da população na redução do coronavírus no Brasil

Sobe para 4.256 casos confirmados e para 136 o número de mortos pelo coronavírus no Brasil

Coronavírus - The Intercept Brasil: "Todos viveremos a batalha de Milão (Itália)"

Morte de jovem de 16 anos por coronavírus comove a França

Vídeo - Policiais dançam música infantil para divertir povo em isolamento

STJ concede regime domiciliar a todos os presos por pensão alimentícia

Vídeo - Em rede nacional, Bolsonaro critica fechamento de escolas e comércio e compara coronavírus a ‘resfriadinho’

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br