Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Política

Presidente Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução)
Presidente Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução)

O Jornal Nacional, da TV Globo, deu destaque nesta terça-feira (19) à piada feita pelo presidente Jair Bolsonaro sobre o uso da cloroquina contra o coronavírus.

“No dia em que o Brasil atingiu pela primeira vez a marca de mil mortes em 24 horas, o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender a cloroquina. Numa entrevista nas redes sociais, Bolsonaro disse que o ministro interino vai baixar um protocolo sobre o assunto e fez uma piada”, disse o apresentador William Bonner.

O telejornal exibiu trecho da transmissão ao vivo feita pelo presidente nesta terça em que ele diz o seguinte: “Quem é de direita toma cloroquina. Quem é de esquerda toma tubaína”.

A declaração foi dada durante entrevista com o jornalista Magno Martins. Na ocasião, ele afirmou que o ministro general Eduardo Pazuello vai assinar na quarta (20) novo protocolo que permitirá a utilização da cloroquina em pacientes em estágio inicial de contágio do coronavírus.

Nesta terça, o Brasil registrou 1.179 mortes em 24h. No total. 17.971 brasileiros perderam a vida para o coronavírus. Com 17,4 mil novos casos registrados, já são 271,6 mil as pessoas que contraíram a Covid-19 no Brasil desde o início da pandemia.

Clique aqui e siga-nos no Facebook

Veja também:

Ministério da Saúde libera cloroquina para todos os pacientes com covid-19

Secretário-executivo Eduardo Pazuello assume interinamente Ministério da Saúde

Camaçari soma 91 casos da Covid-19; novo óbito é registrado

Saída de Teich repercute no mundo: “Brasil volta a ficar sem ministro”

Teich deixa o Ministério da Saúde com menos de um mês no cargo

Bolsonaro desautoriza Teich sobre cloroquina e atividades essenciais: Tem que estar afinado comigo

Governadores saem preocupados de reunião com Nelson Teich: 'ele está perdido'

'E daí? Quer que eu faça o quê?’, diz Bolsonaro sobre mortes por coronavírus; 'Sou Messias, mas não faço milagre'

Conheça o oncologista Nelson Teich, médico que vai substituir Mandetta

Mandetta deixa Ministério da Saúde sob aplausos

Em meio à crise do coronavírus, Mandetta anuncia em rede social que foi demitido por Bolsonaro

Mandetta não aceita demissão de secretário: 'Vamos trabalhar juntos até sairmos juntos'

Troca no Ministério da Saúde 'deve ser hoje, mais tardar amanhã', diz Mandetta

Considerado braço direito de Mandetta, secretário pede demissão

Mandetta já avisou à equipe que vai ser exonerado, diz jornal

Bolsonaro começa avaliar nomes para substituir ministro da Saúde

Bolsonaro quer forçar Mandetta a pedir demissão após ministro perder apoio entre militares

Brasileiro não sabe se escuta ministro ou presidente, diz Mandetta

Mandetta diz que permanecerá em ministério e volta a defender isolamento: “Vamos continuar”

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br