Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Policial

Médico foi autuado por crime de tentativa de feminicídio, mas negou que tenha empurrado a esposa (Foto: Reprodução)
Médico foi autuado por crime de tentativa de feminicídio, mas negou que tenha empurrado a esposa (Foto: Reprodução)

O médico Rodolfo Cordeiro Lucas foi indiciado por tentativa de homicídio após a namorada Sáttia Lorena Patrocínio, de 27 anos, que caiu do 5º andar de um prédio no bairro de Armação, em Salvador. Segundo a RecordTV Itapoan, o inquérito foi encaminhado ao Ministério Público da Bahia (MP-BA), mas não pede a prisão do médico.

O caso aconteceu na madrugada do dia 20 de julho, após uma briga entre o casal dentro do apartamento. O médico foi autuado por crime de tentativa de feminicídio, mas negou que tenha empurrado a esposa em depoimento na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam/Brotas).

No dia 27, ele teve a prisão preventiva revogada pela Justiça. Na decisão, o juiz Vilebaldo José de Freitas Pereira afirmou que não há motivos para a manutenção da prisão, “estando claro que não pretende ele, o Requerente, furtar-se à aplicação da lei penal, vez que é primário, com bons antecedentes, endereço conhecido, profissão definida, podendo ser localizado a qualquer momento para a prática dos atos processuais, sendo domiciliado no distrito da culpa, conforme documentos anexados”.

A namorada foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e está internada no Hospital Geral do Estado (HGE). Sáttia foi transferida para o Hospital São Rafael, acordou do coma e deu depoimento, no dia 20 de agosto, que durante cerca de uma hora para a polícia, onde afirmou que "quer justiça", mas que não se lembra se alguém havia lhe empurrado.

Segundo informações preliminares do advogado da médica, à época, Sáttia encontra-se aflita, abalada e agitada, não conseguindo se recordar do que exatamente aconteceu no dia da queda, pois sua condição de saúde acaba estando diretamente ligada ao psicológico.

Ainda segundo a defesa de Sáttia, ela relatou também outros episódios de relacionamento com seu namorado, o médico Rodolfo Cordeiro Lucas, que é tido como o principal suspeito de tentativa de feminicídio.

Em nota, a Polícia Civil do Estado da Bahia se pronunciou no início da tarde de hoje sobre o indiciamento de Rodolfo Cordeiro Lucas. Confira abaixo na íntegra:

Após análise dos laudos periciais, a titular da Deam / Brotas, delegada Bianca Andrade, concluiu o procedimento e encaminhou para o Poder Judiciário, nesta quinta-feira (3), com o indiciamento do suspeito por tentativa de feminicídio.

Veja também:

Médica que caiu do 5º andar acorda: 'Comprometeu memória recente'

'Não me deixe morrer', disse médica ao porteiro do prédio após queda do 5º andar

Suspeito de empurrar namorada de prédio diz que ela usava remédios controlados

Estado de saúde de médica que caiu de prédio em Armação é gravíssimo e instável

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br