Galeria de fotos

Não perca!!

Policial

Edilson foi preso no final da tarde de sábado, em Santa Catarina, na pousada onde estava hospedado
Edilson foi preso no final da tarde de sábado, em Santa Catarina, na pousada onde estava hospedado

O ex-jogador Edílson Capetinha foi preso no sábado, 4, em Santa Catarina, por não pagar pensão alimentícia. O pentacampeão do mundo estava em Rio Negrinho, cerca de 262km de Florianópolis, onde iria participar de um jogo festivo. A partida também contaria com a participação de Marcelinho Carioca.

Edílson foi levado para o Presídio Regional de Mafra, também no estado catarinense. O atleta foi detido no início da tarde de sábado, na pousada onde estava hospedado. Foi a quarta detenção do ex-jogador por esse motivo. A outras foram em 2014, 2016 e 2017.

A Holder Serviços e Eventos, empresa que organizou o evento em Rio Negrinho, emitiu nota sobre o ocorrido. "Comunicamos que fatos alheios à nossa vontade impediram a participação do jogador Edilson Capetinha em nosso evento de hoje (sábado)", informou.

"Mas ao chegar em Rio Negrinho hoje, recebeu uma intimação judicial e foi deslocado pela Polícia Civil até Mafra, onde atenderá resultados de processo no qual é réu. Lamentamos pelo atleta e a todos os que aguardavam vê-lo em Rio Negrinho. A Holder Serviços e Eventos já está tomando as providências cabíveis para resolver a situação com os empresários do jogador", finalizou a nota.

 

 

Enquete

Nesse 2º turno, qual seu candidato para presidente?
 
Banner

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br