Galeria de Fotos

Não perca!!

Nacional

Juliana Marasca e sua filha, Keila Kremer, de 15 anos (Foto: Reprodução)
Juliana Marasca e sua filha, Keila Kremer, de 15 anos (Foto: Reprodução)

Ex-companheira foi morta com golpes de faca e a filha dela a tiros

Um homem matou sua ex-companheira com golpes de faca, e a filha dela a tiros, na madrugada desta quinta-feira em Rio Bonito do Iguaçu (PR) e, em seguida, se suicidou. A Polícia Civil do Paraná investiga a relação entre esse fato e um homicídio cometido horas antes na mesma cidade, em que um homem foi morto com quatro disparos.

Segundo o delegado Marcelo Trevizan, responsável pelo caso, testemunhas contaram que Emerson Jorge de Moraes teria matado Valdir dos Santos Simão na noite de quarta-feira por sentir ciúmes de uma possível relação entre ele e sua ex-companheira, identificada como Juliana Marasca. Em seguida, o autor teria ido até a casa dela, onde esfaqueou a ex e atirou duas vezes contra a enteada, Keila Kremer, de 15 anos, antes de se matar.

Os corpos dos três foram encontrados por um vizinho na manhã de quinta-feira.

O vizinho pediu para uma criança, familiar da mulher que foi morta, abrir a casa, quando esta retornou da escola. A criança felizmente não estava na casa no momento dos fatos — contou o delegado.

As investigações seguem em andamento.

Formalizaremos as oitivas de testemunhas e realizaremos o confronto balístico entre os projéteis e a arma apreendida — disse Trevizan.

Pessoas próximas das vítimas disseram que o relacionamento entre Emerson e Juliana acabou há cinco meses e ele, embora não demonstrasse ser agressivo, não tinha aceitado a nova relação dela.

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br