Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Nacional

Fael ganhou prêmio do BBB 12 (Foto: TV GLobo)
Fael ganhou prêmio do BBB 12 (Foto: TV GLobo)

Se para muitos o destino do "BBB 12" já estava traçado há tempos, para a família de Fael, a vitória do sul-mato-grossense foi uma grande surpresa. Agora com a conta bancária bem recheada, nem sempre Fael  gozou de boa situação financeira. Rotulado como 'bicho do mato' no início do programa, o veterinário não possui bens luxuosos e nunca carimbou uma viagem internacional em seu passaporte. Veja a trajetória de Fael ao longo de seus 25 anos.

Vida no interior
Filho da vereadora Silvana Cordeiro e de Odilon Cordeiro, Fael é o filho do meio de três irmãos, Ronald (30 anos) e Rodrigo (21 anos). Segundo sua mãe, a família nunca teve muito dinheiro e mora na cidade de Aral Moreira- com um pouco mais de 10 mil habitantes. "Dos três filhos, Fael foi o único que nasceu em Aral, que é uma cidade menor do Mato Grosso do Sul. Os outros nasceram em cidades maiores de lá. Nossa família é classe média. Não somos pobres, mas também não somos ricos. Sempre nos preocupamos em investir todo nosso dinheiro na educação dos nossos filhos. Tivemos muitas dificuldades, ficamos apertados e sempre fomos muito controlados em relação ao dinheiro, pois nunca tivemos muito".

Aluno aplicado
Queridinho por todos os colegas nos locais onde estudou, Fael sempre foi um menino bonzinho, segundo sua mãe. Durante a infância e a adolescência, ele estudou em três escolas públicas da cidade (Escola Estadual João Vitorino Marques, Escola Municipal Joaquim Moreira Lopes e Escola Estadual Doutor Fernando Correia da Costa). "Nunca foi um menino de tirar 10, mas nunca reprovou. Ele era um aluno aplicado e todo mundo gostava dele. A primeira professora dele, Eva Gonçalves, tem contato com Fael até hoje e até chora quando fala dele", contou Silvana. No Ensino Médio, Fael fez o curso técnico na Escola Agrícola, em Adamantina, São Paulo. Mais tarde, foi para Dourados (MS) para estudar veterinária na Universidade Unigran. "Ele também fez muitos cursos de especialização em Minas Gerais", completou.

Acidente grave na infância

"Ele tinha 12 anos e sofreu um acidente gravíssimo. Fael caiu de um muro e uma veia se rompeu na perna. Nunca mais esqueci o dia - 28 de agosto. Não gostamos de lembrar disso porque sofremos muito. Ele perdeu muito sangue e a primeira cirurgia foi um processo de ressuscitação. O médico achava que ele iria morrer, mas Deus colocou sabedoria na mão daquele médico, e Fael praticamente ressuscitou", relembrou Silvana.

Apenas uma namorada séria

Apesar de ser muito assediado pela mulherada em sua cidade natal, Fael sempre foi muito seletivo quando o assunto era o coração. De acordo com sua mãe, ele teve apenas uma namorada séria. "Foi na época da faculdade. O namoro durou quatro anos, mas eles tinham algumas diferenças e ela rompeu com ele. Fael gostava muito dela e sofreu demais quando ela terminou. Foi um período ruim".

Amor pelos animais

Antes de entrar no "BBB", o campeão ganhava dinheiro como veterinário autônomo. Cuidava de animais em residências e fazendas de sua região, sempre que requisitado. "Ele sempre gostou de bichos, desde pequeno, e por isso decidiu cuidar deles. Fael faz parte do 'Clube do Laço' daqui da cidade. É um esporte bem tradicional da região. Ele está no clube desde os 12 anos. Hoje ele faz parte da diretoria. Ele monta no cavalo tem que laçar o boi com 100 metros de distância. Ele é bom nisso", explicou a vereadora.

Farrista e bom gastador de dinheiro
Se engana quem pensa que Fael era caseiro e não gostava de farra. Pelo que sua mãe conta, ele deu muito trabalho na época em que estava na faculdade. "Ele é daqueles que some, não avisa onde está e tenho que ficar procurando. Quando era mais novo, saía escondido de mim e ia para Bonito (MS). Não atendia o telefone, nem nada. Um dos defeitos dele é esse: não atender o telefone. Ele diz que esquece, que acaba a bateria e a gente fica que nem louco atrás dele", revelou.

Sobre a vida financeira do filho no passado, ela entregou: "Quando ele tem dinheiro, gosta de gastar. Ele é um bom gastador, não tem dó nenhuma. Mas ele nunca teve dinheiro sobrando. Várias vezes ele me mandou a seguinte mensagem: 'mãezinha do coração, deposita um dinheiro para mim que assim que eu receber, te devolvo'. Depois que eu lia, eu até ria, porque nunca mais eu via o dinheiro".

Sonho de consumo
Mesmo sem ter falado para os pais o que faria com o dinheiro caso ganhasse o prêmio do "BBB 12", Fael deve comprar uma caminhonete. "Ele tem uma caminhonete S10, mas sempre quis ter uma caminhonete de presença, tipo Dodge Ranger. Acho que isso ele deve comprar, sim. Quem tem uma situação melhor aqui, compra carrão. Fora isso, ele nunca teve sonhos de consumo luxuosos", revelou a mãe do mais novo milionário da praça.

Saiba mais sobre: Nacional

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br