Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Saúde

Os testes do Butantan começaram no final de janeiro (Foto: Reprodução)Os testes do Butantan começaram no final de janeiro (Foto: Reprodução)

Resultado foi divulgado pelo Instituto Butantan, que produz a vacina em acordo com empresa franco-austríaca

O Instituto Butantan divulgou nesta terça-feira, 15, resultados do ensaio clínico de fase 3 da vacina de dose única contra a chikungunya, produzida em acordo com a farmacêutica franco-austríaca Valneva. A parceria foi fechada em maio de 2020. Os resultados mostraram uma alta capacidade de indução da resposta imunológica e segurança.

Conduzido nos Estados Unidos com a participação de 4.115 voluntários com mais de 18 anos, o estudo apontou que a capacidade de gerar resposta imunológica, chamada de imunogenicidade, alcançada após a vacinação, permaneceu por ao menos seis meses. 96,3% dos indivíduos mantiveram a produção de anticorpos durante o período.

De acordo com o Butantan, a duração da imunidade deverá ser monitorada periodicamente com testes sorológicos durante pelo menos cinco anos.

No Brasil, os ensaios clínicos também estão sendo realizados. Aqui, a intenção é avaliar o uso do imunizante em uma região endêmica. O estudo vai durar 15 meses e terá 750 voluntários, todos adolescentes de 12 a 17 anos.

Os testes do Butantan começaram no final de janeiro em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo. Além disso, também serão realizados em centros de pesquisa da capital paulista, de Salvador, Fortaleza, Belo Horizonte, Aracaju e Campo Grande.

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br