Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Emprego

Ministério da Saúde anunciou que há 9 casos de pacientes que estão sob suspeita de infecção pelo novo coronavírus (2019-nCoV) no Brasil (Foto: Reprodução)
Ministério da Saúde anunciou que há 9 casos de pacientes que estão sob suspeita de infecção pelo novo coronavírus (2019-nCoV) no Brasil (Foto: Reprodução)

Secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber, ponderou, no entanto, que não há nenhum caso confirmado no país

Em comunicado divulgado na tarde desta quarta-feira (29), o Ministério da Saúde anunciou que há 9 casos de pacientes que estão sob suspeita de infecção pelo novo coronavírus (2019-nCoV) no Brasil. Na terça-feira (28), foi confirmado que três pacientes estavam sob suspeita nos estados de Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul – já descartado. Rio de Janeiro, São Paulo, Santa Catarina e Ceará foram incluídos na lista.

O secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber, disse 33 casos foram notificados ao Ministério da Saúde desde o dia 18 de janeiro. Nove são vistos como suspeitos, vinte foram excluídos e quatro foram descartados. O secretário executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo, acredita que “o que tem pela frente não deve terminar rapidamente”.

São Paulo é o estado com o maior número de casos suspeitos (3). Santa Catarina vem logo atrás com dois casos. Ceará, Minas Gerais, Paraná e Rio de Janeiro possuem um paciente suspeito cada. Confira tabela no fim da matéria.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) convocou uma reunião nesta quarta-feira (29) para avaliar se declara situação emergência global por conta da disseminação do vírus. Na terça-feira, a OMS aumentou o grau de risco global do coronavírus para “elevado”, ao invés de moderado. Essa decisão deixou o mundo inteiro em alerta.

O infectologista Marco Caseiro, em conversa com a Fórum considerou que a doença caminha para virar uma pandemia. “A gente está diante de um vírus pouco conhecido, nós não temos medicamento efetivo, não temos uma vacina. Nesse sentido, sempre traz um certo risco e o que nós temos de medidas é adotar um controle sanitário internacional, em portos, aeroportos”, afirmou.

O COE foi criado na última sexta-feira com o objetivo de monitor os casos suspeitos de coronavírus. Nesta quarta, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou a criação de um grupo de emergência em saúde pública.

Coronavírus


Segundo dados oficiais da OMS, o coronavírus já infectou 6.065 pessoas no mundo – há 9.239 suspeitos -, tendo 132 mortes confirmadas na China, onde o novo vírus surgiu. Há 68 casos confirmados em 15 países.

Carnaval


O Ministério também descartou qualquer restrição ao Carnaval. “O Carnaval não é um evento que se suspenda por decreto. É uma festa popular. O país, até o momento, não tem casos confirmados de coronavírus e ainda não foi esclarecido a forma exata de transmissão”, disse em mensagem publicada me live.

Li4vLi4vLi4vaW1hZ2VzL3N0b3JpZXMvMjAxNy9NYWlvL3NpdHVhY2FvLWVwZGVtaW9sb2dpY2EucG5nJmFtcDt3PTkwMCZhbXA7aD02MDAmYW1wO3E9OTAmYW1wO3pjPTA=.jpg

SERVIÇO:

Esgoto entupido? Chame a Metropolitana Desentupidora

Veja também:

Brasil tem três casos suspeitos de coronavírus, diz ministro

Caso de idoso com suspeita de coronavírus na Bahia não se enquadra à doença, diz Sesab

Médico diz que coronavírus pode se espalhar em Salvador no Carnaval; "impossível evitar aglomerações"

Coronavírus: ministro diz que Brasil está em 'perigo iminente'

Epidemia Chinesa - Embaixada confirma suspeita de brasileiros com coronavírus

OMS admite erro e altera risco internacional do coronavírus para 'elevado'

Austrália confirma caso de coronavírus: saiba os países em que há relato de contágio

Sopa de morcego pode ter relação com surto de coronavírus na China

Coronavírus - o que se sabe até agora?

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br