Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Ciência e Tecnologia

Uma característica em comum da maioria desses golpes é o envio de um link falso (Foto: Reprodução)
Uma característica em comum da maioria desses golpes é o envio de um link falso (Foto: Reprodução)

Golpes na internet têm vitimados cada vez mais brasileiros. É o que mostra um estudo divulgado pelo dfndr lab, laboratório especializado em segurança digital da start-up PSafe, segundo o qual, apenas em outubro de 2020, 2.2 milhões de brasileiros foram vítimas de algum tipo de golpe digital, ou seja, 7,33 vezes a população estimada de Camaçari.

Uma característica em comum da maioria desses golpes é o envio de um link no qual a pessoa deve clicar para receber algum suposto benefício ou manter o acesso a algum serviço. Ao clicar no link, a pessoa pode ter seu aparelho infectado por programas que roubam dados, chamados malware, ou mesmo ser induzida a fornecer informações pessoais.

Diante desse risco diário, seria ótimo se existisse um site onde você pudesse verificar a procedência de um link, não seria? Pois bem ele existe. A Psafe mantém um "analisador de links", disponível 24h por dia. O serviço é gratuito e pode ser usado tanto de smartphones quanto de computadores.

Para conferir se um link que você recebeu é verdadeiro ou falso, basta copiar o link da mensagem recebida, acessar www.psafe.com/dfndr-lab/pt-br/ e colar na área específica. De acordo com dados da Psafe, mais de 145.000 links falsos foram detectados nas últimas 12 horas.

Veja também:

INTERNET: 2.2 milhões de brasileiros foram vítimas de golpes apenas em outubro

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br