Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Cidade

Rua Pajussara, no bairro do Verde Horizonte em Camaçari (Foto: Print | Google Maps)
Rua Pajussara, no bairro do Verde Horizonte em Camaçari (Foto: Print | Google Maps)

Diz o adagio popular, que “direito tem, quem direito anda”, mas a máxima, ao que parece, não se aplica, nem pelas autoridades competentes, nem pelos moradores do bairro Verde Horizonte, que não andam direito, como é o indivíduo que, desconsiderando o direito de o outro estar em paz em sua casa, seja falando ao telefone, conversando com familiares, amigos entre outros, ou ainda descansando pela noite de trabalho, assim como a paz que precisa ter quem sofre alguma doença, pouco se importando abrem as malas dos seus carros e estouram a potência do “seu som” nos ouvidos da comunidade “e daí”.

Há quase três meses um morador do bairro enviou ao Camaçari Fatos e Fotos (CFF), e nós o publicamos, um apelo dramático conclamando as autoridades policiais, depois de não obter, segundo disse, retorno da prefeitura municipal, com qualquer resposta na direção duma solução para o problema, e nesta segunda-feira, 09, a apelo se repete. E dizendo o leitor, que “mesmo com sua denuncia publicada em tantos sites de notícia”. Logo, o que aponta que não é fato desconhecido das autoridades a quem cabe resolver a questão.

“Bom dia prezados,

Venho por meio deste fazer uma denúncia em relação ao som alto na Rua Pajussara, no bairro do Verde Horizonte em Camaçari. Alguns vizinhos, que não sabem viver em comunidade e não possuem o mínimo de respeito com o próximo, estão fazendo dessa rua a casa deles, colocando som automotivo ou som em caixas superpotentes no volume máximo, aos finais de semana e feriados. Já foram feitas varias denúncias na SEDUR - Camaçari e na POLICIA, porém até o momento nenhuma providência foi tomada, vi reclamações de outras pessoas em sites de noticias da cidade. Peço que chame atenção da prefeitura e da policia para colocar ordem, pq os trabalhadores, as crianças, os doentes precisam de paz, e esse direito não pode ser tirado por quem não dá um prego na barra de sabão.

Agradecido!”

NOTA

A Resolução n° 624, de 2016, do Código Nacional de Transito versa que “Usar no veículo equipamento com som em volume ou frequência que não sejam autorizados pelo CONTRAN”, resulta em:

Infração – grave;

Penalidade – multa;

Medida administrativa – retenção do veículo para regularização.”

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br