Galeria de fotos

Não perca!!

Cidade

Diretor Dinaldo Cardoso, expressando humildade, ao CFF reconheceu o erro e se desculpou com a população pelo ocorrido
Diretor Dinaldo Cardoso, expressando humildade, ao CFF reconheceu o erro e se desculpou com a população pelo ocorrido

Nesta segunda (23) e terça-feira (24) a população camaçariense se revoltou com imagens em vídeo nas redes sociais e até em reportagem televisiva da capital, dando conta de que alunos do colégio municipal Anísio Teixeira, na Gleba E, estariam sendo alimentados com “farinha e salsicha”, na hora da merenda. Na reportagem a Secretaria de Educação (SEDUC) se defendeu dizendo que a informação não procede, que tudo seria apurado e que trata-se o evento dum caso isolado.

O Camaçari Fatos e Fotos (CFF), não satisfeito com apenas uma declaração da SEDUC e com a falta de coerência para o caso de realmente não haver problemas com o abastecimento dos produtos e o registro das imagens, esteve na unidade escolar nesta terça-feira a fim de desvendar o “enigma”.

“Não há problema algum com o abastecimento”, disse ao CFF o diretor, Dinaldo Cardoso dos Santos, 46, e na direção da escola há quatro meses.

Ao portal Cardoso disse que tudo não passou de “um erro de cálculo”, quando se concluiu que o gás seria suficiente para concluir o cozimento da merenda, que “já se encontrava quase pronta quando o gás acabou”. O diretor disse que há duas garrafas P 45, e que apesar de uma delas já estar vazia, considerou que como só faltava cozinhar o macarrão que o gás atenderia, mas como não deu e a “empresa não chegou a tempo com o gás e já se aproximava a hora do intervalo, eu autorizei servirem a “farofa com a salsicha. Onde errei tentando acertar”.

Perguntado sobre o cardápio Cardoso disse que está longe de essa ser a realidade da escola e que “o cardápio é alternado: servimos comida (feijão com arroz e carne), legumes e tubérculos, biscoito com suco, mas nunca o que causou a polêmica”, e que isso poderia ser checado com os próprios estudantes.

Sobre sua relação com os alunos, para que o vídeo fosse feito, o diretor disse que essa era uma pergunta que os alunos é que devem responder, seguro, ao que pareceu, de que a os estudantes aprovam suas ações à frente da escola. Cardoso disse inclusive que “os alunos gostaram [da farinha com salsicha]”.

O diretor, destoando de não poucos dos escalões 'de cima' do governo, se mostrando humilde nas palavras, pediu desculpas, lamentou o episódio, e disse que se pudesse voltar no tempo já o teria feito.

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Enquete

Nesse 2º turno, qual seu candidato para presidente?
 
Banner

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br