Galeria de fotos

Não perca!!

Cidade

Promotor de Justiça, Everardo Yunes
Promotor de Justiça, Everardo Yunes

Ao amanhecer dessa quinta-feira, 08, e não ver seus nomes relacionados entre os denunciados pela 7ª Promotoria de Justiça de Camaçari, onde consta inclusive um pedido de prisão preventiva contra o presidente da Câmara de Vereadores, Oziel Araújo (PSDB), acusado de improbidade administrativa, Flávio Matos – DEM, Bispo Jair – PRB, Dilson Magalhães Jr. – PEN e Sessé Abreu – PSDB, decerto que respiraram aliviados.

Ocorre que, a contar pelas declarações do promotor Everardo Yunes, titular da 7ª Promotoria, ao apresentador Roque Santos, no programa Conectado, três dos quatro vereadores que não constam na denuncia, com base em documentos em seu poder, ainda podem ser denunciados. Ou seja, se confirmados os crimes apontados e se tratasse dum filme e não de realidade, poderia se dizer que restará apenas "o último dos moicanos".

Restará saber a quem caberá tais dividendos políticos. Aguardemos, pois.

Todos os vereadores negam as acusações.

 

Veja também:

Promotor Yunes pede agora prisão de secretária do prefeito Elinaldo (DEM)

Vereador Oziel (PSDB) diz que não será preso

MP pede prisão preventiva do presidente da Câmara de Camaçari

Mudança de pasta do promotor Yunes deve deixar muita gente com as "barbas de molho" em Camaçari

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Enquete

Pena de morte no Brasil
 
Banner

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br