Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Cidade

A prefeitura de Camacari vem protagonizando 'atropelos' jurídicos e administrativos, um após o outro
A prefeitura de Camacari vem protagonizando 'atropelos' jurídicos e administrativos, um após o outro

Percebendo a falta de inserção no site oficial, de contratos firmados pela prefeitura com empresas, a exemplo, entre tantos outros, do consolidado, por dispensa de licitação, e da ordem de R$ 17.400 mi, para três meses de serviços na coleta e tratamento do lixo da cidade, entre a prefeitura de Camaçari a Naturalle Tratamentos de Resíduos Ltda, empresa dos filhos do ex-governador Paulo Souto (DEM), o Camaçari Fatos e Fotos (CFF) já advertia que a atitude era no mínimo estranho.

Não passou ao largo do CFF, nem dos cidadãos minimamente atentos e também não pelo crivo da lei. E a 7ª Promotoria de Justiça, que passou um pente-fino na atitude da prefeitura e enumera bem mais faltas que a ausência de inserção dos contratos firmados no portal oficial, no último dia 10, puxando a orelha do prefeito 0Elinaldo Araújo (DEM), determinou que o governo corrija sua conduta e insira no portal todas as informações devidas à cidade.


Em matéria recente o CFF já advertia o prefeito, se ele for ‘inocente’ das atitudes, para o comportamento de seus colaboradores, diante da multa que levou do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) justamente pela falta de transparência nas atitudes da prefeitura, quanto a ausência de divulgação dos relatórios de gestão fiscal e de execução orçamentária, já que, conforme o site Camaçari Alerta, que também traz a novidade de agora, o prefeito teria recebido “com preocupação” a notícia do motivo da multa.

Afora o que se queira esconder no caso recente, a pratica no entanto não é privilégio exclusivo da gestão atual; conforme o promotor Everardo Yunes, a conduta vem de gestões anteriores e em 2010 teria vencido o prazo para que tais correções fossem feitas, sob pena de, se a determinação de agora não for cumprida, ser a prefeitura inserida no Cadastro Nacional de Inadimplentes da União, o que a impossibilitaria de receber do governo federal recursos importantes, além da responsabilização pessoal do prefeito Elinaldo, por improbidade administrativa.

Veja à baixo imagem da 'recomendação'.

Em matéria recente o CFF já advertia o prefeito, se ele for ‘inocente’ das atitudes, para o comportamento de seus colaboradores, diante da multa que levou do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) justamente pela falta de transparência (imagem CA)
Em matéria recente o CFF já advertia o prefeito, se ele for ‘inocente’ das atitudes, para o comportamento de seus colaboradores, diante da multa que levou do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) justamente pela falta de transparência (imagem CA)

Veja também:

Sobre Elinaldo receber “com preocupação” notícia de multa e advertência do TCM, conforme site

Elinaldo contrata às escondidas empresa 'para reduzir vencimentos' do funcionalismo e sofre nova ação judicial sob suspeita de 'ilegalidade na contratação'

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br