Galeria de Fotos

Não perca!!

Cidade

A tragédia poderia ter sido evitada ou amenizada se a farmácia tivesse um plano de evacuação e emergência
A tragédia poderia ter sido evitada ou amenizada se a farmácia tivesse um plano de evacuação e emergência

O incêndio na Farmácia Pague Menos da Avenida Getúlio Vargas, que gerou a maior tragédia que o centro comercial de Camaçari já viveu, com 23 vítimas, sendo 9 fatais, poderia ter sido evitado ou amenizado se a farmácia tivesse um plano de evacuação e emergência.

Importante ressaltar que o serviço que estava ocorrendo com solda e maçarico, inclusive com gás inapropriado, de acordo com o Corpo de Bombeiros, nem deveria está ocorrendo com a loja em funcionamento, conforme denúncia do mestre de obras José Vieira de Matos, que foi solicitado para fazer o serviço, mas não aceitou fazer com a loja em funcionamento uma vez que o risco de incêndio era eminente levando em consideração o equipamento utilizado no serviço e os materiais altamente inflamáveis na estrutura física do prédio e em alguns produtos comercializados. Esse era um serviço para ser feito com isolamento total da área.

Outro ponto que chama a atenção é a falta de um plano de evacuação e emergência. Ou se tinha não pode ser aplicado. A loja era muito comprida e possuía apenas uma saída que era a porta da frente. Porta, esta, muito estreita (foto) e com muitos obstáculos à sua frente para o volume de pessoas que trabalhavam no local além dos clientes. Vale observar também que a disposição das gondolas e prateleiras dos produtos no meio da farmácia dificultava e muito a evacuação do local. O que dizer então dos funcionários que trabalhavam no fundo da loja e que não tinham uma saída de emergência pelos fundos. Tudo isso leva a crer na ausência de um plano de emergência.

E o episódio, que em muito diz sobre o que levou a tantas mortes na tragédia (cuja obra, também conforme o Corpo de Bombeiros, não tinha autorização da prefeitura), notadamente a falta de saída alternativa, ou de escoamento amplo nas casas comerciais da cidade, sobretudo daquele e de outros corredores, deve levar à reflexão os órgãos fiscalizadores competentes do município sobre se o trabalho nessa direção está sendo feito, ou feito a contento. A menos que queiram esperar a próxima tragédia para então agirem.

A Secretaria de Segurança Pública do Estado fará uma entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (24), as 15h30, na sede da Polícia Civil, no bairro da Piedade, em Salvador, onde integrantes da Polícia Militar, Civil e Técnica, além do Corpo de Bombeiros, explicarão todos os detalhes sobre o acidente, o resgate, identificação dos corpos e investigação.

Veja também:

SSP-BA fará coletiva de imprensa sobre incêndio da Farmácia Pague Menos

Sobe para nove o número de mortos em incêndio na Pague Menos

Já são seis os mortos no incêndio da Farmácia Pague Menos

Confirmada morte de três pessoas na Pague Menos. Buscas continuam

URGENTE: Farmácia Pague Menos pega fogo e teto cai em cima de clientes

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br