Galeria de fotos

Não perca!!

Antonio Franco Nogueira

'(...)Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo'; Colossenses 2:8
'(...)Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo'; Colossenses 2:8

(...) Disse-lhe, porém, o Senhor: Vai, porque este é para mim um vaso escolhido, para levar o meu nome diante dos gentios, e dos reis e dos filhos de Israel.

E eu lhe mostrarei quanto deve padecer pelo meu nome.
Atos 9:15,16.

Como em 11 de abril de 2015 Jesus veio também a mim e disse VAI, e por isso, além desses textos, onde se encontra revelação de sonhos e visões das visitações que Ele me faz, além das manifestações sobrenaturais a partir da leitura bíblica, os cultos domésticos A Carne na Brasa que você já conhece, eu bem que poderia começar o texto de hoje falando do meu chamado a favor da sua vida. Mas antes, a quem couber o tanto e que este for devedor, sacarei a situação de dois crentes, ela uma levita e ele um presbítero, para começá-lo.

“Irmão, não vou poder comparecer por que meu pastor proibiu a gente de sair para eventos fora do nosso ministério. Até mesmo para louvar fora eu estou tendo que recusar os convites”, disse ela, que participa dum ministério tradicional da cidade, ao ser convidada para o 6º e também para o 7 º A Carne na Brasa. E não veio mesmo.

Uma pausazinha

(...)Condutores cegos! que coais um mosquito e engulis um camelo. Mateus 23:24.

Sigamos

“Estou com meu carro em perigo de perda, com o banco me ligando a todo instante, minha casa faltou o gás e eu saí dizendo a mulher que desse um jeito com a churrasqueira, até Jesus mandar o socorro”, desabafou o presbítero, em conversa comigo na última sexta-feira (04), quando em visita à minha casa, se queixando ainda de que, como a irmã levita, tem sido impedido de realizar o trabalho evangelístico fora “do ministério”, o obrigado a ‘acabar’ com os cultos que vinha fazendo em sua casa, com a vizinhança, ele que é um leão para trabalhar e usa o carro para subir e descer a serviço do Evangelho. Esse irmão desabafou comigo ainda que é justamente uma irmã dum outro ministério que o tem socorrido com uma ou outra oferta, para que não lhe falte o pão nem seu carro falte combustível no meio da rua. Mas deixa esse pessoal pra lá, que eles não são mais criança e sabem muito bem que a ordem não é essa, obedecer ao homem que prende, mas obedecer a Cristo, que liberta.

(...)Portanto, não os temais; porque nada há encoberto que não haja de revelar-se, nem oculto que não haja de saber-se.

O que vos digo em trevas dizei-o em luz; e o que escutais ao ouvido pregai-o sobre os telhados.

E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno a alma e o corpo.
Mateus 10:26-28.

Viu? Mas parece que esse povo, tanto o que prende quanto o que tem se permitido prender, não lê Bíblia.

Aliás, ele, o presbítero, na ocasião me contou e me perguntou o que será que Jesus queria lhe dizer com um sonho que ele teve recentemente, depois que ele havia decidido com a esposa irem morar no interior por conta da dificuldade de sobrevivência em Camaçari. E invocando Gênesis 40; 8, pedi que contasse o sonho. E acreditando ele que se tratava de Jesus o autorizando a ir mesmo para o interior do Estado, onde disse que defenderia o pão fazendo frete com seu carro e pregaria para o monte de gente que ainda não conhece o Evangelho por lá, contou (O que conclamo aos senhores da lei que tem aprisionado o povo a quem Jesus confiou algum talento ou dom, que preste bem atenção no que diz a revelação do sonho desse a quem vocês tem ‘aprisionado’, para depois, com vossas retaliações ao moço, a partir da decisão dele em obedecer à Voz de Deus, não se virem TODOS enfermos. E isto não é uma ameaça, é uma profecia!!!!!!!!!):

“Sonhei que eu ia caminhando com minha esposa por uma estrada de chão quando noto no canto da estrada uma possa d’água pequena, que apesar do barro era limpa, limpa, dum metro e meio, de onde subia umas bolhas, e ao me aproximar com uns pedaços de pão vejo peixes pulando para comer quando percebo que eram peixes que, de tão magos, pareciam esqueléticos, tinha somente a cabeça e o rabo. E tendo o pão acabado resolvi ir até em casa apanhar mais e voltei a jogar o pão para os peixes. Então acordei”, disse.

Da revelação

- Me responda uma coisa: vocês andaram muito até perceber a poça e demoraram para ir e voltar de casa com mais pão? Perguntei. Ao que ele respondeu que não; que percebeu a poça logo que começou o sonho e a casa deles ficava perto donde estava a poça. Então disparei: Irmão fulano, sinto lhe desapontar mas esqueça essa mudança para o interior. Não é isso que Jesus diz no seu sonho. Se fosse assim Ele teria lhe feito caminhar muito até perceberem a poça e ainda teria posto uma boa distância entre a poça d’água com os peixes e sua casa. O seu sonho representa que há uma Obra a vocês começarem aqui mesmo, num cantinho dessa cidade; por isso o tamanho dela e por isso a poça estava num canto da estrada; por isso vocês não precisaram caminhar muito e perceberam logo a poça; e por isso sua casa ficava perto da poça com os peixes – essa obra deve começar no seu próprio bairro. Os peixes são crentes que estão ao seu alcance e que tem sido muito mal alimentados apesar da disposição do Espírito Santo, por isso a magreza e por isso a cor clara da água, o que não seria normal numa poça d’água numa estrada de chão; que se fosse o povo do interior que o irmão diz que não conhece o Evangelho, teria sido peixes mortos que, somente depois de você jogar o pão é que a água borbulharia – e olhe lá. Quem está no mundo, conforme disse Jesus (Lucas 9; 60), está morto e jamais pularia à cata do Alimento se não for provocado. Isso diz de crente faminto por uma boa Palavra e pelo VERDADEIRO Evangelho pregado nu e cru, sem enfeites – se quiser substituir enfeite por engano, esteja à vontade.

Ao ouvir isso, com o coração quem sabe já todo articulado para a viagem, o homem congelou. E somente uns segundos após, depois de perceber o zelo do Pai para com sua vida, deu um Gloria a Deus!

(...)"Então ele disse: ‘O Deus dos nossos antepassados o escolheu para conhecer a sua vontade, ver o Justo e ouvir as palavras de sua boca.

Você será testemunha dele a todos os homens, daquilo que viu e ouviu.
Atos 22:14,15.

Eu já disse não poucas vezes que não me considero profeta mas sei que somente os profetas, que aliás, desde que o mundo é mundo, conforme exemplo simples em Jeremias 20, com especial atenção dos versos 1 ao 6, não toma refresco algum na casa de a quem ele tem entregue as mensagens que recebem de Deus para entrega-lo se essas não forem do agrado, e sei que profetas são aqueles a quem Deus desce e revela o que homem nenhum poderá jamais saber sem que Ele queira que o sujeito saiba. O problema porem é a soberba quando não o ciúme. Mas nos Cultos domésticos que foi pelo próprio Espírito Santo denominado de A Carne na Brasa, o que se ouve depois de invocarmos a Palavra pelo texto bíblico, são as mensagens que tenho recebido do Pai para conclamar despertamento a Igreja apesar de alguns. Mas como sei e quem sabe você ainda mais que o próprio Jesus teve sua Mensagem, que saiu da Sua própria boca, rejeitada principalmente pelos maiorais da religião, não será a que sairá da minha que seria unanimemente aceita. Assim, quem quiser receber receba e quem quiser rejeitar rejeite. Que depois eu dou conta de mim e você de você.

Porém, mais uma pausazinha

(...)Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo; Colossenses 2:8.

Isto posto, é você 'descrente', fique aí. Mas se for você um crente – depois dê um pulinho lá em Lucas 12; 47, ainda mais atenção tu deve dar ao que mais se seguirá.

A mensagem no 7º A Carne na Brasa, onde a carne que é queimada é a do crente antes da de charque que nele comemos assada após o evento, foi aberta comigo apontando para um dos três espaços onde reservei quando construí a casa para serem bar, e da quantidade de bebida, de cachaça a uísques, que mandei meu colaborador doméstico jogar no ralo, que, se reunida, daria para comprar um carro básico mas que em nada me incomodou derramá-la e muito menos pensei em doar a ninguém por motivos óbvios, e do milagre que Jesus fez na minha vida, até então um cachaceiro contumaz, me tirando a vontade de beber sem que eu sequer tivesse percebido. Hoje tomo vinho mas não sei se tomo um dedo a cada vez – e quando digo um dedo é mesmo um dedo, e isto nem sempre acontece duas vezes NO ANO. Do que Jesus jamais me advertiu. Talvez por que isso “me convém”, o que talvez não te convenha dado a sua falta de controle;

No 7º A Carne na Brasa, que apesar de essa edição ter sido aberta ao público e não somente ao crente como até então acontecia, que estava presente e é dos de dentro da seara, se ouviu que a presença de apenas 5 pessoas – apenas duas dessas se apresentaram como ainda de fora do Evangelho, as demais talvez por timidez se reservaram, que apenas aquelas pessoas da mais duma centena que se fizeram presente, era ‘para vergonha nossa’ uma vez que a ordem que Jesus deu não foi SENTA, foi IDE; e a exemplo da experiência contada propositadamente no início do texto, sobre a irmã levita que tem sido impedida de fazer a Obra fora “das quatro linhas de tijolos” e do presbítero que foi obrigado a parar com os cultos que fazia com a vizinhança na garagem de sua casa, não se é preciso muito esforço para que se perceba que a presença de apenas 5 pessoas (presenças ínfimas em cultos tantos por aí à fora) ainda leigas sobre a que morreu Jesus naquela cruz, entre os 120 crentes que compareceram, é fruto não somente da falta de treino mas muito mais pela prisão ou ainda a pregação sobre tudo menos sobre que é dever do crente pregar, pregar, e pregar, seja a tempo ou fora de tempo - distribuir folhetos enquanto se vai e se vem também é pregar. Aliás, não somente a você que tem se permitido prender, assim como a você que tem prendido, depois dá um pulo ali em 2 A Timóteo 4; 2, como panela, e como tampa volta em Marcos 11; 12-14, depois escorrega um kadinho até os versos 19-21 do mesmo capitulo, - tendo em mente que não era tempo de figos e se não era tempo de figos por que então Jesus amaldiçoou a figueira, senão para nos dizer que Ele não aceitará desculpa quando neguinho chegar lá dizendo ah, Jesus, foi por que meu pé estava doendo e também meu pastor não deixou, se a ordem não foi SENTA, foi IDE, conforme foi dito aqui!!!.

Já a imagem de abertura do Culto foi esta que também ilustra a abertura do texto. Para um crente minimamente atento ou muito pouco disperso do seu papel frente a Cristo, à resposta sobre a pergunta feita se era esta uma imagem feia ou bonita, o básico deveria ter sido BONITA, porem devendo caber ainda LINDA, mas infelizmente a absoluta maioria, com exceção de uns três literais, foi que a imagem era FEIA. O que reporta que muito pouco se tem ensinado ou aprendido que o dever de TODO homem e TODO O HOMEM, é ser um Adorador d’Àquele que morreu na cruz e ressuscitou com o firme propósito de nos salvar da Ira vindoura (Sofonias 1; 18), vendo o fogo na imagem não como um fogo consumidor mas como um fogo envolvedor. Fogo do Espírito. Aqui também se aprendeu que quando o Espírito fala, se um pingo não é somente letra, como na linguagem humana, mas Palavra, o que não será quando Ele aponta uma letra, conforme a tradução que diz, em Eclesiastes 12; 13, que (...)De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem, se não atentarmos que o artigo O, quer dizer que o dever de quem serve a Ele com um braço deve servir também com o outro; quem serve com os braços deve servir também com as pernas; quem serve com os ouvidos deve servir também com os olhos; que quem serve com os olhos deve servir também com a boca, e quem serve com tudo isso não adiantara nada se não servi-Lo com o coração. E daí por diante.

'E prepara-te para amanhã, para que subas pela manhã ao monte Sinai, e ali põe-te diante de mim no cume do monte'.  Êxodo 34:2
'E prepara-te para amanhã, para que subas pela manhã ao monte Sinai, e ali põe-te diante de mim no cume do monte'. Êxodo 34:2

Foi dito no 7º A Carne na Brasa também da exigência de Deus para que se alcance sua Gloria, representado na imagem do Monte Sinai, conforme me disse Jesus, simulado no fato de que para o povo hebreu o Monte simboliza a morada de Deus, conclusão tirada do fato de que não somente foi no alto desse Monte que Moisés recebeu d’Ele as tábuas da Lei mas era também ao pico dele que o profeta subia para ouvir do Criador as ordens para o povo durante a viagem, e a tirar pela inclinação não pouco íngreme a partir de certo ponto da escalada, conforme se viu e se vê na imagem, deve se notar que não será para qualquer um chegar ao ápice, mas para quem tiver 'treino' e muito 'preparo' (dica: Romanos 8; 1, com especial atenção à parte B do versículo) – não à toa o apóstolo Paulo usa a figura dum atleta para falar dos vencedores – veja a vida de regras dos desportistas e notará que o apóstolo não o utilizou a toa, mas depois o refresco quando ‘molhei o bico’ com o fato de que, sabedor de que nem todos nós teremos “preparo físico” para tão íngreme escalada, a misericórdia d’Ele foi invocada e percebida no símbolo de o povo comum ter acampado ao pé do Monte sempre que Moisés, e noutras vezes alguns poucos escolhidos (Êxodo 24), subia lá, o que indica que haverá salvação comum para o povo comum, o que me causou, e também ao povo no evento, posto ter sido o próprio Jesus a me ter dito sobre esse negócio, uma alegria e um alívio muito grande. Ou seja, há esperança para os “ôrea-seca” que há entre nós. Aleluia.

A pergunta sobre se alguém nunca se questionou do porquê de a água duma nuvem carregada (como no alto da foto exibida) jamais desabar em cima das pessoas mesmo com todo peso que se é presumível, mas cai somente 'no tempo determinado' por Deus e somente em gotas, também não deixou de ser feita. Mesmo que, para tristeza do Espírito, não tivesse havido uma só resposta positiva. Mas aproveitando o tempo chuvoso dê uma olhada para cima e se faça o tal questionamento.

Mas antes de você, que entendendo que a salvação comum alcançará a qualquer um, tipo o crente chutador de balde, veja o que Ele me mandou dizer ao povo presente no evento – e agora também a você e ainda mais a você que é chutador de balde no Evangelho, que mesmo não sendo povo vive no meio do povo como se povo d’Ele fosse, e avalie o tamanho da misericórdia desse [único] Deus a quem você vem desprezando com suas atitudes: (...)Assim diz o Senhor, acerca de todos os meus maus vizinhos, que tocam a minha herança, que fiz herdar ao meu povo Israel: Eis que os arrancarei da sua terra, e a casa de Judá arrancarei do meio deles. E será que, depois de os haver arrancado, tornarei, e me compadecerei deles, e os farei voltar cada um à sua herança, e cada um à sua terra. E será que, se diligentemente aprenderem os caminhos do meu povo, jurando pelo meu nome: Vive o Senhor, como ensinaram o meu povo a jurar por Baal; então edificar-se-ão no meio do meu povo. Mas se não quiserem ouvir, totalmente arrancarei a tal nação, e a farei perecer, diz o Senhor. Jeremias 12:14-17. Então aproveita, se ajeita, criatura!!!

Mas, conforme foi dito ao povo no Culto e agora é dito a você, tenha cuidado para não rejeitar a mensagem, se valendo de que você se lembra de mim apenas como pecador e despreza o novo homem que o Pai me fez, que os de Anatote, terra natal do profeta Jeremias, mesmo não tendo histórico de farras do moço posto ele ter sido tomado para profeta desde a infância, o desprezaram, bateram e até tentaram matar o homem somente por que ele entregava fielmente o que recebia de Deus, para o povo que vinha trilhando um caminho de morte e não de vida. Tipo alguns dos nossos dias, se é que não se trata você de um/a distraído/a também e por isso não consegue enxergar um palmo diante do teu nariz.

Falando em não desprezar, eu já havia selecionado as imagens e organizado na mente o que já havia recebido sobre a mensagem a ser pregada, mas ao ir dormir e orar pedindo que Ele, caso quisesse me acrescentasse mais alguma coisa para dizer ao povo, Ele não me acrescentou nada mas veio a mim com a seguinte visão:

- Vejo um papel escrito com algo como que tópicos. E em todas as linhas escritas vejo que elas estão grifadas com marcador de texto amarelo. E a cor amarela me é bem destacada no sonho. E ponto.

Ao abrir os olhos e pensar que Ele estivesse reprovando a mensagem quem sabe por eu ter acrescentado algo que Ele não queria que fosse acrescentado, e por isso ‘riscou’ tudo, e me entristecer com a conclusão, eis que Ele então me entrega a revelação:

- "Destaque isso, destaque isso, destaque isso, e destaque isso!!!".

Era por isso os tópicos com o marcador de texto. E a alegria que me invadiu não caberia descrever aqui tamanha a minha felicidade. Ele estava aprovando cada detalhe da mensagem que seria pregada – e para minha alegria ainda MAIOR, Ele veio no sono duma irmã, que participou do Culto e mostrou ela antes andando com um homem com quem ela pretende se relacionar mas que de repente ela observava que havia se distanciado do moço, e agora caminhava, num chão de paralelepípedos ao lado dum Anjo por uma feira que tinha nos tabuleiros, ao invés de frutas e legume, rolos de papel - uns já escritos e outros em branco, e disse, a ela que se via vestida de pano de saco: “Guarde tudo o que meu filho falou!”. Agora me diz quanto de dinheiro seria capaz de fazer um crente trocá-lo por uma coisa dessa e veja se você encontra algum valor!!!

- Sobre o rapaz, Jesus está mandando que ela se afaste dele. Os rolos escritos representam as Escrituras; os em branco a história dela a ser escrita; a roupa de pano de saco a humilhação a que devemos nos impor; os paralelepípedos são para dizer que a estrada do crente, que deve caminhar sobre a Rocha, é pavimentada uma parte após a outra. A feira representa que Tudo está à disposição de todos. Mas o “guarde o que Meu filho falou” é o que deve ainda mais te fazer observar cada palavra do que você está lendo aqui. Não se distraía.

A propósito, o amarelo do marcador, que reporta ao Ouro, e minha atenção chamada a que observasse aquela cor, indicava que a mensagem prosperaria e purificaria as pessoas – a quem couber, muito mais ainda pelo fato de que umas duas noites antes do dia do Culto Ele veio a mim noutra visitação e me disse “Você escolheu as pessoas certas”. Muito embora o ter escolhido as pessoas certas não representa que todos terão sucesso no que foi dito até por que nem todos os que foram convidados compareceram. Sobre isso tenho inclusive algo muito tremendo a acrescentar sobre a Palavra d’Ele “nunca voltar vazia”, que o Espírito Santo me revelou, o que não foi dito no Culto mas que peço licença a Ele para acrescentar aqui:

Em tese se algum crente prega para duas pessoas e apenas uma delas aceitasse a mensagem e se convertesse a Cristo, não seria razoável dizer que para a pessoa que não O aceitou a Palavra teria voltado vazia, ou não? Essa é a pergunta que sempre faço a crentes de quem me aproximo. E a resposta tem sido unânime: Sim. Só que Jesus muito tem se entristecido com isso, posto que não, a Palavra JAMAIS volta vazia pois para o que ela sai ela alcança o seu intento. E aquele sujeito que a recusou, quando diante d’Ele, no grande dia, não estará sendo condenado inocente pois teve sua oportunidade de aceitar a mensagem e logo também a Ele mas que preferiu O recusar. Assim, a Palavra d’Ele que sai da boca de quem A prega, saiu tanto para salvar quanto para condenar. Vai depender apenas de quem A ouve! Se ligue que isto veio do Céu!!!

'(...)E a quem jurou que não entrariam no seu repouso, senão aos que foram desobedientes?'  Hebreus 3:18
'(...)E a quem jurou que não entrariam no seu repouso, senão aos que foram desobedientes?' Hebreus 3:18

Mas voltando ao que se deu no 7º A Carne na Brasa, e para seu proveito já que você não compareceu mas que Jesus te dá o privilégio de chegar a esse texto, conclamo a que você esteja bem atento agora, à outra imagem, a penúltima, usada no evento - aliás essa foi a terceira vez que essa imagem foi usada nesses Cultos, que foi a dum grupo de cães da raça pastor alemão, que, todos sentados sobre as patas diante dum gatinho teoricamente indefeso mas que, milagrosamente não é devorado pela matilha, Ele me manda perguntar ao crente onde que ele se vê na imagem, se no cachorro que, distraído’, olha para o fotografo, ou se nos que, irreconciliáveis, estão usando focinheira; ou se no que está atento olhando para a frente (para o adestrador); ou se nos, aliás a maioria esmagadora deles, que estão de olho no gato, como os que estão DOIDOS para pular no pecado??? Ao perguntar aos crentes quantos dos presentes se viam na imagem o silencio foi total. Mas ao ouvirem que o que o conteúdo da imagem representava foi o próprio Jesus que me mostrou e deu a mensagem não foram poucas as caras e bocas, como quem diz, ‘vixe’. Mas a cereja do bolo está no fechamento desconcertante que o Mestre faz aqui: “Até as feras obedecem ao comando do homem, já o homem não quer obedecer ao comando do seu Deus!”.

Não a toa o estado em que se encontra a Igreja d’Ele, conforme a última imagem usada para ilustrar a mensagem, mostrado a mim em uma visitação, conforme segue:

No sonho estou viajando de carro com minha esposa quando percebo uma mulher caída à beira da estrada. Então sou impelido a parar o carro e dar marcha ré. Ao descer do carro e me aproximar noto a mulher tentando levantar. Ela consegue levantar somente metade do corpo e nem com toda a minha torcida dizendo a ela que se esforçasse que ela conseguiria, ela não consegue se pôr de pé. Mas eu não sigo viagem pois o Espirito me diz que eu não podia seguir a viagem sem que levasse conosco aquela mulher. Mas o sonho acaba sem que eu veja se havia conseguido ou não embarcá-la.

'(...)Também vos notifico, irmãos, o evangelho que já vos tenho anunciado; o qual também recebestes, e no qual também permaneceis. Pelo qual também sois salvos se o retiverdes tal como vo-lo tenho anunciado; se não é que crestes em vão'.  1 Coríntios 15:1,2
'(...)Também vos notifico, irmãos, o evangelho que já vos tenho anunciado; o qual também recebestes, e no qual também permaneceis. Pelo qual também sois salvos se o retiverdes tal como vo-lo tenho anunciado; se não é que crestes em vão'. 1 Coríntios 15:1,2

A mulher representa a Igreja: metade dela querendo seguir viagem mas a outra metade, sem força para se pôr de pé tem impedido a parte que quer viajar. E nem vai nem deixa ir quem não quer ficar. O que tem acontecido desde o altar, como aqui (...)Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o fazeis filho do inferno duas vezes mais do que vós. (Mateus 23:15). Ou como aqui (...)Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que fechais aos homens o reino dos céus; e nem vós entrais nem deixais entrar aos que estão entrando. Mateus 23:13. Sem se esquecer, a parte impedida, que não é preciso que ninguém segure suas penas para impedir que você siga a viagem, mas, além de negócios escusos, da malícia e dos maus pensamentos, é o rancor, a falta de amor para com os fracos, o destemor do Senhor e a irreverência na lida com Ele e com as coisas d’Ele, sentimento típico dos que não serão salvos, e outras koisitas mais com o que um monte tem deixado contaminar seu coração, o motivo de não poucos de nós estar ficando pelo caminho. A ordem no entanto, cara pálida dos altares, principalmente, não é matar quem está caído mas sim botar dentro do carro e avançar, e ai de quem chegar na Sala do Júri ‘batendo carroceria’. Deixe de ser tonto/a.

Depois de ter selecionado as duas fotos que ilustraria bem o sonho da Igreja caída no caminho, é que observei a sabedoria do Espírito. Pois sinceramente não prestei atenção nas vestes da mulher quando caída e nas vestes da mulher quando tentando se levantar. E nisso há uma mensagem, só não vá confundir Vestes adequadas com os panos que você põe sobre seu corpo e, confiante que ser pudorado/a na vestimenta é tudo então não atente para a conduta e os pensamentos e ou sentimentos que alimenta, pelo amor de Deus.

Final do texto, conclamo que pare mais uns minutinhos e, refletindo o que você tem reclamado como sofrimento, dê uma avaliada no áudio aqui, e logo à baixo também, e reveja seus conceitos sobre padecimento e ainda, o que você está fazendo para que o padecimento d’Ele tenha valido também a pena para sua vida e da promessa que Ele tem para sua alma, que não houve ponto mais alto do que o momento em que mandei soltar esse áudio no início do Culto. Aliás, foi como que o povo tivesse perdido a respiração por um instante.

Suplício.

(...)E ele disse: O Deus de nossos pais de antemão te designou para que conheças a sua vontade, e vejas aquele Justo e ouças a voz da sua boca. Atos 22:14.

Como eu disse, não sou profeta nem me considero um, mesmo que o Pai tenha me escolhido para ser um mensageiro d’Ele, como também tenho recebido a visita do Justo – que quer te justificar também, com mensagens para dizer a quem queira ouvir, e mesmo sendo eu o pecador que sou, não posso e tampouco vou esconder o que é fato se você não leu o texto desapercebidamente. Ainda que rejeitado por não poucos, e do meu próprio ministério por alguns ainda mais, como sou – não à toa, afora os que tiveram suas razões plausíveis, agora falando da congregação, uma alma sequer dele compareceu ao convite para o Culto que teve presença de não poucas almas vindas de Salvador, enquanto não paro de orar por todos jamais deixarei de dizer, na lata – e talvez por isto mesmo a resistência a minha pessoa - o que tenho recebido do Senhor seja o sujeito do tamanho ou importância que for e tenha, por que, conforme o apóstolo a quem o Justo também apareceu muito antes de mim e ainda de outros, salvando as devidas proporções, sem medo de errar, eu bem sei Quem tem vindo a mim.

Aliás, ao amanhecer do dia em que o texto seria escrito, Ele me trouxe o capítulo 29 do profeta Isaías – e não é a primeira vez que Ele faz isso, de me dar para que dê a ler alguns, Isaías 29, mandando que eu desse a que leia ao que cabe, todo esse capítulo da Escritura.

(...)Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo; Colossenses 2:8.

Assim...

(...)E disse-me: Filho do homem, põe-te em pé, e falarei contigo.

Então entrou em mim o Espírito, quando ele falava comigo, e me pôs em pé, e ouvi o que me falava.

E disse-me: Filho do homem, eu te envio aos filhos de Israel, às nações rebeldes que se rebelaram contra mim; eles e seus pais
transgrediram contra mim até este mesmo dia.

E os filhos são de semblante duro, e obstinados de coração; eu te envio a eles, e lhes dirás: Assim diz o Senhor DEUS.

E eles, quer ouçam quer deixem de ouvir (porque eles são casa rebelde), hão de saber, contudo, que esteve no meio deles um profeta
. Ezequiel 2:1-5.

Jesus é bom

Shalom

Antônio Franco Nogueira - a serviço do Reino eterno

Aqui, mais textos do autor.

'Não seja um crente parasita, menos ainda parasita espiritual, e muito menos permita que façam de você um, que haverá consequências, acredite. Antonio Franco Nogueira - servo do Deus Altíssimo
'Não seja um crente parasita, menos ainda parasita espiritual, e muito menos permita que façam de você um, que haverá consequências, acredite. Antonio Franco Nogueira - servo do Deus Altíssimo

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br